quarta-feira - 12 dezembro 2018

Educação: Alunos do Bela Vista foram contemplados com Papai Noel dos correios

Educação: Alunos do Bela Vista foram contemplados com Papai Noel dos correios
Olhares surpresos, sorrisos inocentes e uma alegria de contagiar qualquer ser humano. O clima foi de felicidade e solidariedade, nesta terça-feira, (4), no Núcleo de Educação Infantil “Henrique Campos Santos”, no Bairro Bela Vista II. Os 276 alunos receberam uma visita inusitada do Papai Noel dos Correios, que chegou à escola com um saco cheio de presentes.

Dos brinquedos levados pelos correios havia tudo do agrado dos pequenos, afinal de contas foram eles próprios que escolheram cada presente. É que com a ajuda das professoras, as crianças escreveram uma cartinha para o bom velhinho e todas as mensagens chegaram ao endereço certo: empresas parceiras do projeto “Papai Noel dos Correios”.

A professora Maria Lourdes Santos, diretora do NEI, explica que ainda em agosto, foi procurada por um servidor dos Correios para conhecer a escola e na sequência, o NEI já foi selecionado para participar do projeto. “O momento foi de muita emoção para a comunidade escolar, mas principalmente para os professores que tiveram oportunidade de conhecer individualmente cada aluno da turma”, afirma a professora Lourdes.

“Quando eles diziam quais presentes gostariam de ganhar, nós nos surpreendíamos pela simplicidade dos pedidos. Coisas que para muitos não tem valor, pra eles tinham muito significado. Aqui tem muita gente que realmente precisa”, expressou a gestora.

A Maiara de apenas 6 anos de idade, aguardava ansiosa para receber a boneca Barbie que pediu. Ao ver os colegas com seus presentes nas mãos, ela sabia que o pedido havia sido atendido. É por causa dessa sensação, a de ver uma criança feliz, que o Fabiano Moraes, servidor dos Correios, faz questão de levar o projeto -que existe há 10 anos- para os núcleos de Educação Infantil da cidade.

“Não tem nada que pague o sorriso de uma criança. Quem nunca sonhou em ganhar um presente do Papai Noel? Então a gente faz com que esse sonho não morra, por causa da nossa realidade”, ressalta ele.

Ainda de acordo com Fabiano, esse ano serão distribuídos cerca de 1.500 brinquedos, em cinco NEIs e creches da cidade, três comunidades religiosas para crianças da catequese e também no abrigo de crianças e adolescentes do município. Além disso, os hospitais públicos devem ser contemplados com a visita do projeto, lá os brinquedos serão antialérgicos.

Um dos parceiros do projeto, o Corpo de Bombeiros, acompanhou a ação no Núcleo de Educação Henrique Campos. Para o sargento Erivaldo Belém contribuir com esta ação é gratificante. “A gente chega em um local desse e se inspira. Agradecemos a todos que ajudaram e foram padrinhos. É muito gratificante”, enfatiza o bombeiro.

Deixar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ACESSIBILIDADE
X