quarta-feira - 12 dezembro 2018

Meio Ambiente: Semma apreende 700 kg de pescado irregular nas feiras de Marabá

Meio Ambiente: Semma apreende 700 kg de pescado irregular nas feiras de Marabá

A operação realizada pela Semma, com apoio da GMM, na madrugada de domingo, dia 2 de dezembro, para confirmação de denúncias de pescado irregular nas feiras da Folha 28 e do Bairro Laranjeiras, resultou na apreensão de cerca de 700 kg de peixes de espécies variadas, proibidas de comercialização em consequência do período de piracema.

Segundo o fiscal ambiental Wanderson Fernandes, as caixas térmicas (isopor) estavam escondidas em diversos espaços das feiras. Só na Feira coberta do Laranjeiras apreendidos 400 quilos; outros cerca de 300 quilos na Folha 28.

Ninguém se manifestou como sendo o dono do pescado, o que foi inviável culpar alguma pessoa pelo ato infracional. Dentre as espécies apreendidas constavam mapará, mandi moela, pescada branca, branquinha, cará, pacu, mandubé e Piau. Todo o pescado apreendido foi destinado a instituições de caridade e população dos bairros Bela Vista e Coca-Cola.

Peixes regionais só podem ser comercializados aqueles que estavam no estoque registrado no início de novembro. Pescadores não podem pescar para fins comerciais no período de novembro até fevereiro de 2019. Esse espaço de tempo é reservado à reprodução das espécies.

Deixar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ACESSIBILIDADE
X