Assistência Social: Feira do artesão completa cinco anos desenvolvendo pequenos negócios

Promover o desenvolvimento sustentável dos pequenos negócios, fomentando o empreendedorismo para fortalecer a economia local é um dos objetivos da Secretaria Municipal de Assistência Social Proteção e Assuntos Comunitários (Seaspac), a partir da criação da Feira de Produtos e Serviços, há cinco anos, para oferecer trabalho e renda complementar a muitas famílias.

No início, a feira era disponibilizada em pontos diversos. Mas, a partir 04/08/2019, passou a se chamar “Feira do Pôr do Sol”, com ponto fixo na Praça São Félix de Valois, seguindo com as mesmas finalidades, ou seja, disponibilizar espaços para que os artesãos/trabalhadores manuais e outros envolvidos no processo apresentem, divulguem e comercializem seus produtos.

A Feira vem ganhando amplitude, diversificando a oferta de produtos tipicamente marabaense/regionais para turistas e visitantes e fortalecendo a cultura do empreendedorismo, sem esquecer o foco na inovação e na sustentabilidade, tornando-se um excelente canal de comercialização.

O espaço funciona todos os domingos, das 17h às 22h, com 40 barracas padronizadas, onde os visitantes encontram os mais variados produtos como crochê, bonecas de pano, biojóias, roupas pet, biscouit, artigos em cerâmica entre outros.

A feira possui também as barracas de gastronomia com deliciosas comidas regionais e uma vasta programação cultural, tornando-se, assim, uma vitrine para aqueles que não tinham como expor sua arte.

Ainda, de acordo com o calendário de eventos municipais, a Feira do Artesão pode acontecer em espaços como Quadra Junina, durante a Expoama – Exposição Agropecuária de Marabá, entre outros.

Texto: João Batista
Fotos: Paulo Sérgio

Acessibilidade