Carnaval: Bloco “Doido é tu” vai levar mensagem de inclusão para as ruas

O bloco “Doido é tu” vai sair no Assastão de blocos, no sábado, dia 22 de fevereiro. Durante o desfile serão apresentadas peças artesanais, dentre outros trabalhos realizados pelos usuários do CAPS.

Na próxima quarta-feira, (19), o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), realizará o pré-carnaval 2020. A festa será aberta à comunidade e vai iniciar a partir das 14 horas. O evento será o esquenta do tradicional bloco “Doido é tu”, fundado há mais de 15 anos, pelo CAPS. O nome do bloco é uma clara menção ao principal objetivo do grupo: a inserção dos usuários na sociedade.

Eliete da Conceição Souza, artesã e redutora de danos no CAPS, explica que neste ano, o bloco vai intensificar o combate ao preconceito em relação aos seus pacientes. Ela esclarece que o carnaval é uma oportunidade de trabalhar com os usuários em comunidade, fora dos muros do CAPS.

Eliete da Conceição Souza, artesã

“A gente vai levar a inclusão para a avenida,porque nós precisamos quebrar essa questão do preconceito relacionado à saúde mental. Saúde mental não é transtorno mental. Nós lidamos com pessoas que tem cargas, histórias, famílias e que tem uma limitação, pouco mais de sensibilidade, mas que precisam ser respeitadas”, ressalta a servidora.

O bloco “Doido é tu” vai sair na avenida Marechal Deodoro, no sábado, dia 22 de fevereiro e promete levar muita descontração e alegria para o público. Além disso, durante o desfile serão apresentadas peças artesanais, dentre outros trabalhos realizados pelos usuários durante o tratamento.

A concentração está marcada para às 17h, próximo ao porto de embarque e desembarque na Orla de Marabá. Os foliões são usuários, familiares e servidores do CAPS, mas o bloco é aberto a toda a população. A expectativa é de que o bloco arraste em média 120 pessoas pela avenida.

Texto: Leydiane Silva
Fotos: Paulo Sérgio

Acessibilidade