Cidadania: Projeto Social da Grota Criminosa realiza série de cursos e palestras para comunidade

Nessa quinta-feira (23) a Escola Tancredo Neves recebeu uma palestra para 50 pessoas, sobre preservação do meio ambiente, que contou com distribuição de sacolas ecológicas e lanche ecológico.

Em mais uma ação, o Projeto de Trabalho Social (PTS) da Grota Criminosa, está realizando durante essa semana o curso de pintura com técnicas em textura. As aulas são oferecidas pelo Projeto que já beneficiou mais de 800 moradores da comunidade. Foram 10 vagas colocadas à disposição da comunidade, todas preenchidas.

O curso começou na segunda-feira (20) e se estende até sexta-feira (31). São 40 horas de aula, com entrega de um kit com rolo de pintura, pincel, bandejão de pintura, lixa, máscara, boné, escova de aço e desempenadeira, para que o aluno já saía pronto para realizar serviços no mercado do trabalho. Além disso, todos também recebem o certificado de conclusão e uma camiseta do Projeto.

A responsável técnica pelo PTS da Grota Criminosa, Luana Bastos, destaca que as aulas do curso também são sempre utilizadas para beneficiar alguma instituição da Folha 23 e 26. No curso de pedreiro com técnica em revestimento de cerâmica, a associação da Folha 23 recebeu um piso novo durante a aula prática, a Escola Tancredo Neves já recebeu sua horta e agora a Associação das Mulheres Margarida está recebendo a pintura.

“Damos a aula já realizando algum serviço que beneficie a comunidade. Agora é a vez de um curso de pintura com textura que é uma especialização que o mercado tem pedido muito. Assim já temos um profissional que pode ser empreendedor, autônomo e completo”, explica Luana.

O técnico em edificação, José Romário, é que está ministrando as aulas de pintura. “Funcionamos de forma espontânea. O plano é passar as ideias básicas da profissão. A prática propriamente dita. Também ofertei o curso de pedreiro com técnica em revestimento de cerâmica, com o mesmo intuito. Além do aprendizado eles já veem se surge adaptação, pelo  tipo de trabalho, material utilizado”, complementa Romário.

O técnico em vigilância sanitária, José dos Anjos Nery, aproveitou as férias para aprender outra profissão. “Eu quero me qualificar profissionalmente, até então só pinto  na minha casa. Essa foi a oportunidade que encontrei. Esse mês estou de férias e vim aproveitar. Aulas boas, professor ótimo, está sendo bem proveitoso”, comenta.

Atendente de farmácia, auxiliar administrativo, produção de doces e salgados, depilação, petwork (aproveitamento de retalho), design de sobrancelha e automaquiagem são alguns dos outros cursos que já foram oferecidos à comunidade. Informática básica, manicure e pedicure, sacola de tecido e uma segunda turma de depilação e design de sobrancelha são outros cursos agendados até junho.

A moradora da Folha 23, Nelzilene Rosa da Silva, de 42 anos, já participou dos cursos de depilação, clareamento e limpeza de pele e agora está participando das aulas de pintura. “Para quem está desempregado o curso caiu em um perfeito momento. Abrindo portas para que possamos alcançar um lugar no mercado de trabalho, ainda mais nós que somos mulheres. Fiz o de depilação e  clareamento de limpeza de pele e foram muito proveitosos, hoje trabalho na área atendendo a domicilio”, conta.

Outras atividades

Além dos cursos o PTS da Grota Criminosa também realiza outras atividades. Nessa quinta-feira (23) a Escola Tancredo Neves recebeu uma palestra para 50 pessoas, sobre preservação do meio ambiente, que contou com distribuição de sacolas ecológicas e lanche ecológico. Entre os assuntos tratados pelas palestras estão doenças de veiculações hídricas, doenças crônicas e degenerativas, gravidez na adolescência, estatuto do idoso, conservação ambiental e acondicionamento correto do lixo.

Além disso, também foram realizadas atividades como passeio de lazer com mais de 50 idosos da comunidade, atividades socioeducativas com estudantes, Natal solidário.

Em todos os cursos os alunos também ganham um kit com pastas, apostilas, camisa, caderno, caneta, borracha, régua e estojo. Alguns cursos, como depilação, receberam uma termocera, espátula e outros itens para iniciar na profissão. No Curso da sacola de tecido, que acontecerá em fevereiro, haverá o sorteio de quatro maquinas de costura.  Todos os cursos entregam um certificado de conclusão ao final. Para se inscrever basta procurar a sede do Plantão Social, na Folha 23.

Texto: Osvaldo Henriques
Fotos: Paulo Sérgio

Acessibilidade