Covid-19: Feira da Folha 28 terá acesso limitado para evitar aglomerações

Não será permitida a entrada na feira sem o uso de máscara

Em reunião na manhã desta sexta-feira (17), no Comando de Policiamento Regional (CPR II), órgãos de segurança do município e estado, Vigilância Sanitária e o Gabinete de Crise da Prefeitura de Marabá, decidiram em comum acordo, mais uma estratégia de segurança em combate ao novo Coronavírus, desta feita, no tocante às feiras abertas do município. A Feira da Folha 28, Nova Marabá, foi escolhida como plano piloto.

Conforme Jair Barata Guimarães, titular da Secretaria Municipal de Segurança Institucional (SMSI), será controlada todas as entradas e saídas de acesso à Feira da 28, devido aglomerações no local, que geralmente acontecem aos domingos, com a comercialização de uma gama de mercadorias incluindo hortifruti, granjeiros, peixarias, açougues, mercadinhos entre outros produtos.

Atualmente são seis entradas para chegar ao local, porém apenas duas começam a funcionar a partir do próximo domingo (19). A SMSI vai utilizar as entradas próximas ao prédio da antiga Leolar na Folha 28, a saída será na outra via dando acesso na VP-8, em ambas. As outras quatro entradas serão fechadas. “Em todos os acessos terão agentes da GMM (Guarda Municipal de Marabá), DMTU (Departamento Municipal de Trânsito e Transporte Urbano) e ainda Polícia Militar. Os técnicos de Vigilância Sanitária estarão circulando na feira realizando abordagens, com o objetivo em comum de evitar aglomerações”, explica Jair Barata.

O objetivo, primeiramente, é fazer com que a população se conscientize a ficar em espaços de 1,30m entre uma pessoa e outra, mesmo estando numa feira. Jair Barata alerta para o uso obrigatório de máscaras “A pessoa que estiver com máscara poderá entrar nesse local tranquilamente e não vai ser limitada a entrada. Aquele que não tiver máscara e estiver em local com aglomeração será retirado ou não será deixado entrar no local. Essas medidas são para podermos controlar a feira, evitando assim a expansão do COVID-19”, sublinha ele.

Um dado importante é que nesse momento a Folha 28 será o plano piloto e a fiscalização será realizada em todas as feiras cobertas no município. “A Prefeitura agradece sua colaboração. Nós temos de disseminar a cultura de uso de máscaras. Agora estaremos fazendo o controle de forma organizada e coordenada pelas polícias, órgãos de segurança e Vigilância Sanitária do município”, encerra Jair Barata.

Texto: Emilly Coelho
Foto: Reprodução

 

Acessibilidade