Covid-19: Prefeitura recebe doação de EPIs, testes rápidos e cilindros de oxigênio

Os equipamentos serão utilizados por profissionais da saúde, que estão na linha de frente no combate ao coronavírus, e os testes começarão a ser realizados na população

Mais dois caminhões com doações para o enfrentamento da pandemia do novo coronavírus (SarsCoV-2) chegaram à Secretaria Municipal de Saúde (SMS), na manhã desta quinta-feira (14). Foram descarregados 19.200 kits de testagem rápida, 10 mil aventais, 100 mil luvas e 4 mil máscaras N95, doados pela Companhia Vale, além de 10 cilindros de oxigênio doados pela Empresa Correias Mercúrio.

Esta foi a terceira doação da Vale para a Prefeitura durante a pandemia, totalizando 28 mil máscaras, 175.600 luvas, 100 óculos, 19.600 aventais e 19.200 testes rápidos, um investimento de cerca dois milhões de reais.

“Assim a gente encerra aquele primeiro processo da primeira doação de EPI’s e kits de testagem. A Vale continua com os canais de comunicação abertos com o governo, e isso só reforça a nossa parceria em combate ao coronavírus”, sublinha o gerente de Operações Ferroviárias do Estado do Pará, Francisco Vicente.

Francisco Vicente, representante da Vale

Os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) serão utilizados pelos profissionais de saúde que estão na linha de frente no combate à Covid-19. Já os 10 cilindros de oxigênio, cedidos pela Correias Mercúrio, serão usados em casos de necessidade nos pacientes do Hospital Municipal de Marabá (HMM).

Segundo o gerente de operações da Correias Mercúrio, Davi Santos, a doação da empresa é em parceria com a Vital Oxigênios. “Estamos fazendo essa doação de cilindros de oxigênios para a demanda da Secretaria de Saúde de Marabá e a Mercúrio está contribuindo nesse momento tão difícil com a sociedade e ajudando com o que está em nosso alcance”, ressalta.

A Correias Mercúrio também já fez outra doação ao município, no dia 24 de abril, contribuindo com 490 litros de álcool em gel, 1.655 litros de álcool líquido, 600 unidades de avental, 767 unidades de óculos de segurança e 521 pacotes de toucas descartáveis.

Davi Santos, representante da Correias Mercúrio

A Secretaria de Mineração, Indústria, Comércio, Ciência e Tecnologia foi responsável pela intermediação das doações e segundo o secretário Ricardo Pugliese, outras empresas estão se mobilizando para garantir recursos ao enfrentamento ao coronavírus.  “As empresas foram solidárias, já temos a doação desses 10 cilindros por parte da Mercúrio, mais 10 cilindros por parte da Sinobras, que vão chegar no próximo final de semana. A Vale está se mobilizando para conseguir mais 10 e a JBS está com um grande projeto de fornecimento de materiais hospitalares. Acreditamos que vai chegar uma grande quantidade de recursos”, aponta Ricardo Pugliese.

Para o secretário de Saúde, Luciano Lopes Dias, as doações são mais uma demonstração de responsabilidade social das empresas.São sinais de contribuição muito interessantes para nós. A gente agradece muito a essas empresas em razão deste trabalho social que estão fazendo. A saúde é um dever do Estado, mas hoje mais do que nunca é responsabilidade de todos”, enfatiza o secretário, ressaltando que a Prefeitura tem trabalhado diariamente para que o impacto da doença seja o menor possível sobre o sistema de saúde.

Ricardo Pugliese, Secretário da Sicom
Luciano Dias, Secretário de Saúde

 

 

 

 

 

 

Boletim Epidemiológico

O último boletim epidemiológico de Marabá, divulgado na noite desta quarta-feira (13), apresentou 245 casos positivos de coronavírus, sendo 104 já em alta clínica, 21 em isolamento hospitalar, 11 em UTI, 72 em isolamento domiciliar e 37 óbitos.

Mediante os números, Luciano Lopes Dias reforça que as medidas que a Secretaria de Saúde vem tomando de enfatizar o isolamento social e fazer com que as pessoas fiquem em casa, são importantes para não sobrecarregar ainda mais o sistema de saúde. “Temos que ter condições de atender a todos e se todos forem infectados no mesmo momento, entraremos em colapso assim como tem acontecido no mundo afora e não queremos que isso aconteça aqui”, garante.

Testes rápidos

Sobre a aplicação dos testes rápidos recebidos nesta quinta-feira (14), o secretário explicou que a Vigilância em Saúde está desenvolvendo um protocolo para aplicação de forma correta. Sendo assim, será realizada uma ampla divulgação para determinar qual público-alvo será atendido e onde as pessoas poderão procurar os testes.

“Provavelmente será nas Unidades de Saúde e no Hospital Municipal, mas terá um protocolo. Nem todas as pessoas serão testadas e tem que ter um determinado momento para que se possa ter uma confiabilidade maior do teste”, finaliza.

Câmara Municipal

O Presidente da Câmara Municipal Pedro Corrêa e os Vereadores Marcelo Alves e Cabo Rodrigo estiveram presentes na entrega da doação, representando o poder legislativo. A doação foi uma solicitação da Casa Legislativa, que buscou apoio a outras empresas, por meio de ofício.

“Não gostaríamos que isto estivesse chegando na nossa cidade e no nosso país, mas estamos aqui acompanhando e agradecemos à Vale e à Correias Mercúrio. Tudo o que vier para o bem da sociedade só temos a agradecer”, acrescenta o vereador Cabo Rodrigo.

Para Pedro Corrêa, o momento é de união de todos os poderes. “A Câmara encaminhou vários ofícios à várias empresas solicitando apoio neste momento e agora estamos presenciando essa entrega. A gente espera que com esses equipamentos, possa ter uma celeridade maior no atendimento aos pacientes que tanto precisam”, garante o Presidente da Câmara.

De acordo com o Vereador Marcelo Alves, a CMM já realizou várias diligências no combate à Covid-19, entre elas, as vistorias nos hospitais e na fiscalização dos gastos públicos. “Recebemos essa boa notícia, um valor de dois milhões de reais em produtos, principalmente de testes rápidos. É um recurso a mais para o município”, finaliza Marcelo.

Veja outras fotos: 

Texto: Jéssika Ribeiro
Fotos: Secom/PMM

Acessibilidade