Covid-19: Servidores participam de treinamento para elaboração de estatísticas

Vinte profissionais, técnicos e enfermeiros do município participam do treinamento ministrado por especialistas da Organização Pan-americana de Saúde (OPAS/OMS) 

Durante três dias, de 11 a 13 de agosto, especialistas da Organização Pan-americana de Saúde (OPAS), ligada à Organização Mundial de Saúde (OMS) ministram treinamento para profissionais da Vigilância Epidemiológica, da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), sobre aperfeiçoamento no trabalho de elaboração das estatísticas dos boletins sobre a Covid-19 no município.

O treinamento acontece nas dependências do Campus da Universidade do Estado do Pará (UEPA), no bairro do Amapá em Marabá. Os especialistas iniciaram os trabalhos na manhã desta terça-feira (11). Ao todo, são 20 profissionais, técnicos, enfermeiros do município, que participam deste treinamento. A Opas encaminhou três profissionais para ministrar as oficinas em Marabá.

“A convite da Secretaria de Saúde de Marabá, estamos organizando uma oficina com técnicos de vigilância do município para aperfeiçoar a análise e produção de boletins epidemiológicos. Esse trabalho vai permitir agilizar a avaliação dos indicadores e, assim, encurtar o tempo de resposta e tomada de decisão”, afirmou Fabiana Ganem, consultora de Vigilância, Preparação e Resposta a Emergências e Desastres, do escritório da OPAS e da OMS no Brasil.

O encontro está discutindo as estratégias de combate à Covid-19, planos e metas elaboradas e em construção no município como também as ações do governo contra a propagação do vírus, já que os números existentes abrem uma condição para realizar um planejamento e execução do trabalho para o combate à doença.

“É um momento singular no nosso trabalho de combate à Covid-19. Desde os primeiros casos o governo municipal já estava preparado com uma estrutura de atendimento à população, médica e de enfermagem, psicológica, a qual mantemos e vamos continuar. E este trabalho de parceria técnica com a Opas vai trazer mais condições aos nossos profissionais de enfrentamento à Covid-19 em Marabá”, afirmou Valmir Silva Moura, secretário municipal de Saúde.

OPAS/ OMS

A Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) trabalha com os países das Américas para melhorar a saúde e a qualidade de vida da população. Fundada em 1902, é a organização internacional de saúde pública mais antiga do mundo. Atua como escritório regional da Organização Mundial da Saúde (OMS) para as Américas e é a agência especializada em saúde do sistema interamericano.

O organismo internacional oferece cooperação técnica em saúde a seus países membros; combate doenças transmissíveis e doenças crônicas não transmissíveis, bem como suas causas; e fortalece os sistemas de saúde e de resposta ante emergências e desastres.

A OPAS está comprometida em conseguir que cada pessoa tenha acesso à atenção de saúde da qual precisa, com qualidade, sem ter que passar por dificuldades financeiras. Em seu trabalho, promove e apoia o direito de todas e todos à saúde.

Em sua sede regional, estabelecida em Washington D.C, Estados Unidos, a OPAS/OMS lidera seus 27 escritórios em países da região e três centros especializados. Impulsiona decisões baseadas em evidências para melhorar a saúde das pessoas e promove saúde como a força motriz do desenvolvimento sustentável.

Veja mais fotos:

Texto: Victor Haôr
Fotos: Aline Nascimento

Acessibilidade