EDUCAÇÃO: GESTORA APOSTA NA COMBINAÇÃO “RESPONSABILIDADE E RESPEITO” PARA COORDENAR ESCOLA

Há 22 anos a Educação entrou na vida da professora Agleides Cordeiro Dias Almeida e nunca mais saiu. Atualmente, ela é gestora da escola Fé em Deus, em Morada Nova, onde estudam 502 alunos e trabalham 33 servidores, dos quais 13 são professores do 1º ao 5º ano do ensino fundamental. Toda essa turma é coordenada pela professora Agleides há 6 anos.

A educadora diz que para ter sucesso no trabalho, sempre procura garantir uma relação harmoniosa e de muito respeito com toda a comunidade escolar. “É um trabalho de liderança, de trazer a equipe para junto do diálogo. Sempre digo que temos de ser exemplo, o gestor deve ser o primeiro que chega e o último que sai, isso é muito importante. Quando a gente é bem atuante, consegue levar todo mundo junto”, ressalta a gestora.

A rotina de um diretor começa logo cedo e disso a professora Agleides não abre mão. Quando chega à escola, visita todos os setores, pois, zela pela organização. Na cozinha, verifica o cardápio da merenda pra que tudo ocorra bem no intervalo das crianças. Ela acredita que o cuidado, até nos pequenos detalhes, é indispensável e que isso tem um nome: “Responsabilidade”.

Agleides Cordeiro é diretora na Escola Fé em Deus há 6 anos.

“A partir do momento que o aluno chega à escola até o momento que vai pra casa, é nossa responsabilidade. Não tem como um diretor ser só de gabinete. A gente tem de passar nas salas para dar até uma segurança e valorizada para os professores”, enfatiza.

Não é preciso procurar muito pela escola para confirmar o quanto a diretora é bem quista por lá, basta caminhar pelos corredores para perceber afetividade entre a diretora e os alunos e também com os colegas de trabalho.

O sorriso largo estampado no rosto, esconde os problemas diários e comuns numa instituição de ensino, mas para driblar os obstáculos, ela conta com a experiência dos 9 anos de gestão escolar, além do tempo vivido em sala de aula e da função de coordenadora, o qual já exerceu.

“É gratificante trabalhar em educação todos os dias. Você consegue ser feliz, porque a gente vê a felicidade no aprendizado de um aluno. Eu amo o que faço e não consigo me imaginar sem a educação”, finaliza a gestora.

 

ACESSIBILIDADE
X