Gestão: Prefeitura presta contas do 3º quadrimestre de 2019 e mantém indicadores positivos

Foi apresentada na manhã desta quarta-feira (04), durante audiência pública realizada na Câmara Municipal de Marabá, a prestação de contas da Prefeitura em relação ao 3º quadrimestre de 2019. A audiência aberta a toda a comunidade contou com a participação de secretários, vereadores e representantes da sociedade civil.

A prestação de contas, explanada pelo Secretário de Planejamento Karam El Hajjar, mostrou para sociedade e vereadores a apresentação dos números e metas fiscais do poder público, como se comportou o gasto com pessoal, as receitas, despesas e as aplicações em saúde, educação e demais áreas, conforme estabelecida pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

De acordo com o secretário Karam El Hajjar, os principais indicadores permaneceram positivos, uma vez que a dívida consolidada do município vem diminuindo ao longo dos anos. Além disso, o gasto com pessoal também se encontra abaixo do nível de alerta.

A Prefeitura fechou o ano de 2019 com a Receita Corrente Líquida de 904.658.741,94 e a despesa com pessoal fechou no total de 409.096.000,70 de gasto pessoal em relação à receita. “O gasto pessoal está abaixo do limite de alerta. A receita teve um comportamento acima do que estava orçado e a despesa se comportou dentro do orçamento que fizemos para 2019”, observa o secretário de Planejamento.

Também foram apresentados os indicadores de investimento na área da saúde e educação, que são prioridade da gestão. A aplicação em saúde fechou em 33%, número acima do dobro do condicional, que é de 15%. Já a aplicação em educação, está em torno de 29%, também acima do condicional que é 25%.

“Quanto mais se investe em saúde e educação deixa de ter recurso de infraestrutura. A saúde é prioridade do prefeito Tião Miranda, então o que ele puder fazer para a saúde e educação, que são os dois pilares do governo, ele irá fazer, sem medir esforços”, ressalta Karam.

Para o Presidente da Câmara, Pedro Corrêa, a prestação de contas é um momento do legislativo cumprir a lei de responsabilidade fiscal e a sociedade deve tomar conhecimento dos números e relatórios apresentados participando. “Apresentando essa prestação de contas, os vereadores vão se debruçar sobre os números para ver se o executivo está cumprindo com as leis e as normas do nosso município e da constituição federal”, enfatiza Pedro Corrêa.

Confira os indicadores da prestação de contas:

Prestação de Contas 3 Quadrimestre de 2019

Texto: Jéssika Ribeiro
Fotos: Paulo Sérgio

Acessibilidade