Janeiro Branco: CAPS realiza 2º encontro com lideranças religiosas

O encontro aconteceu na manhã desta sexta-feira (31), no CAPS – Centro de Atendimento Psicossocial, localizado na Nova Marabá, e contou com a participação de mais de 15 lideranças religiosas das mais diversas manifestações como grupos católicos, evangélicos, umbanda, espiritas, entre outros.

O objetivo era discutir sobre ações realizadas no âmbito dos centros religiosos sobre temas diversos como suicídio e questões comportamentais relacionadas a saúde mental dos membros das igrejas. O encontro foi uma iniciativa do médico do CAPS Dr. Charles Vasconcelos.

Médico Charles Vasconcelos

Este é o segundo encontro realizado com as lideranças religiosas e fez parte da programação do Janeiro Branco, mês voltado para a ações de conscientização, da promoção e proteção da saúde mental. “Os líderes religiosos é o primeiro porto que as pessoas procuram quando apresentam problemas e aqui trataremos estratégias para agir na comunidade, como agir em relação aos problemas e o que fazer para levar esse atendimento a essas pessoas”, explicou Dr. Charles Vasconcelos, médico da saúde mental do CAPS.

O primeiro encontro aconteceu em novembro de 2019 onde os participantes trataram a temática do suicídio. “É basicamente nesse campo que estamos tentando trabalhar, no campo de orientação e discussão mútua. Nós temos muito a aprender porque a saúde mental é também muito espiritualizada, muitas pessoas vêm aqui com causas espiritualizadas e aprendemos a lidar com esses problemas compartilhando informações, e é preciso tratar esses problemas com mais diversidade da convivência”, afirma Dr. Charles Vasconcelos.

Texto: Victor Haôr
Fotos: Sérgio Silva

Veja as fotos 

 

 

Acessibilidade