Meio Ambiente: SEMMA volta a fiscalizar lagoas de efluentes do frigorífico JBS

Na última sexta-feira, dia 25 de janeiro, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMMA), realizou uma nova fiscalização às lagoas de tratamento de efluentes do Frigorífico JBS, localizado no Distrito Industrial de Marabá, em cumprimento de medidas preventivas e de proteção ambiental.

O intuito é averiguar a manutenção dessas lagoas, que no mês de novembro do ano passado (2018) corriam sérios riscos de rompimento, podendo causar danos ambientais aos Rios Itacaiunas e Tocantins.

A equipe fiscal constatou que as obras de restauração no entorno das lagoas de tratamento de efluentes ainda não foram concluídas, mas não foi possível ter acesso ao cronograma de atividades, tampouco ao plano de controle ambiental.

A Secretaria Municipal encaminhou o relatório de vistoria fiscalizatória à Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (SEMAS), órgão estadual que licenciou o Frigorífero JBS, para a Defesa Civil, Conselho Municipal de Meio Ambiente (COMAM) e Ministério Público, para que se tomem as devidas providências.

“Estamos acompanhando o caso para evitar que o meio ambiente sofra um desastre ambiental”, afirma o secretário municipal de meio ambiente, Rubens Sampaio.

Cratera

Em novembro de 2018, a Semma realizou a primeira fiscalização, após receber uma recomendação da Promotoria do Meio Ambiente para averiguar denúncia de risco de rompimento de uma das lagoas de efluentes.

Imediatamente, uma equipe do Departamento de Fiscalização Ambiental realizou vistoria no local e emitiu um relatório constatando que havia uma cratera de aproximadamente 4 metros de largura por 5 metros de profundidade, comprometendo a estabilidade das bordas das Lagoas 01 e 02.

VAGA NO SINE MARABÁ PARA AMANHÃ, 05.10

AUXILIAR DE COZINHA ENSINO FUNDAMENTAL, EXPERIENCIA COMPROVADA NA CTPS OU REFERENCIAS, POSSUIR CNH AB, TER VEICULO PRÓPRIO ENCAMINHAR CURRÍCULOS PARA O SINE (Rua 5 de ...
ACESSIBILIDADE
X