Saúde: CCZ suspenderá cirurgias de castração em abril

Devido às normas de prevenção ao novo coronavírus, que recomenda a não aglomeração de pessoas, nos dias 30 e 31 de março, não haverá o agendamento para cirurgias de esterilização de cães e gatos no Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), que aconteceriam em abril.

De acordo com Nagilvan Amoury, gerente do CCZ, as histerectomias e castrações voltarão a ser agendadas em data oportuna, quando as autoridades liberarem o isolamento em função da Covid-19. Porém, as cirurgias agendadas para este mês estão garantidas. São realizados 22 procedimentos em três dias da semana: cinco na quinta-feira, seis na sexta-feira e 11 aos domingos, tendo como foco prioritário o controle de natalidade de animais de estimação nas comunidades de baixa renda.

Indagado acerca do que as pessoas devem fazer em prol de seus animais no decorrer dessa pandemia, Nagilvan orienta que todo dono de pet deve priorizar os cuidados à saúde do animal, mantendo limpos os ambientes por onde ele circula, vacinando-os, usando algum tipo de repelente e mantê-lo alimentados.

O gerente do CCZ explica que esse vírus da Covid-19 é transmitido exclusivamente entre humanos. Lembra ainda Nagilvan que neste período de isolamento os petshops estão abertos. Lá, podem ser encontrados os diversos tipos de repelentes para afastar principalmente o mosquito-palha de cães e gatos e evitar que eles contraiam leishmaniose visceral.

Texto: João Batista
Foto: arquivo

Acessibilidade