Saúde: Morador da zona rural, Antônio Moreira, vence Covid-19 com uso da máscara VNI

 “Toda equipe aqui merece um carinho especial, porque a qualidade de atendimento de todos, sem exceção, é muito especial. É um novo momento e acredito que o grande arquiteto do universo me deu mais uma oportunidade na vida”

Aos 68 anos o comerciante Antônio Moreira Barreto, morador da Vila Três poderes, zona rural de Marabá, é mais um dos vencedores da Covid-19. Ele esteve internado durante 28 dias, usando a máscara VNI (Ventilação Não Invasiva) e felizmente não chegou a ser intubado. Nesta quinta-feira (25) seu Antônio pôde voltar para casa novamente.

Na saída da ala de internação dos pacientes com a Covid-19 em tratamento no Hospital Municipal de Marabá – HMI, ele ganhou festa com direito a bolo e muitos balões. Seu Antônio estava visivelmente emocionado e não continha as lágrimas. Para ele, aquele momento, era um novo recomeço, depois de ter vencido um grande desafio em sua vida.

“Esses 28 dias foram muito difíceis, mas recebi o que foi de melhor daqueles que são muito criticados no brasil inteiro. A saúde pública de Marabá me deu o que eu achei que não tinha. As pessoas aqui, os médicos, enfermeiros os plantonistas, tiveram uma sensibilidade muito grande com a minha saúde porque a minha situação era bem crítica e nunca deixaram de passar na porta e me cumprimentar, me dar apoio e toda equipe aqui merece um carinho especial, porque a qualidade de atendimento de todos, sem exceção, é muito especial. É um novo momento e acredito que o grande arquiteto do universo me deu mais uma oportunidade na vida”, disse o seu Antônio Barreto.

Logo a dar entrada no HMM com sintomas da Covid-19, os médicos avaliaram e concluíram que era mais um caso de intubação. Porém, a equipe médica resolveu então fazer uso da máscara VNI, que auxilia na respiração do paciente sem a necessidade de intubação e com menor risco de infecção, e a resposta foi positiva.

O médico do HMM Luiz Sérgio conta que seu Antônio se mostrou perseverante durante cerca de um mês de tratamento e além dele, outros pacientes estão curados da Covid-19, com uso da máscara especial no tratamento.

“Seu Antônio foi perseverante. Ele é somente um dos que saíram com uso da máscara. Chegou aqui muito grave, era um paciente que precisava ser intubado, mas com o uso da máscara não precisou e agora é parabenizar a todos os servidores do hospital. Queremos também agradecer a gestão pública por nos ajudar nessa missão”, disse o médico Luiz Sérgio, diretor técnico do Hospital Municipal de Marabá.

Texto: Victor Haôr
Fotos: Paulo Sérgio

Acessibilidade