Saúde: O servidor público Almiro Alves Pereira, de 52 anos, vence a covid-19

O servidor público Almiro Alves Pereira Filho, 52 anos, venceu a covid-19 sem mesmo se dar conta que estava com a doença. Ele descobriu que havia contraído o novo coronavírus (SARS-CoV-2), quando procurou o hospital por conta de fortes dores no abdômen. Os exames mostravam que Almiro precisava de uma cirurgia de emergência para a retirada da vesícula, e além disso, o paciente também havia testado positivo para a covid-19. “Eu tive sintomas fracos nem percebi”, comentou o agente de portaria.

Para a família de Almiro, a preocupação dobrou depois da descoberta. Elienice Viana dos Santos, 42 anos, esposa dele, disse que a saúde fragilizada por conta da cirurgia causou medo. Ele ficou internado no Hospital Municipal de Marabá devido à cirurgia por 15 dias e deixou o hospital sem complicações de saúde. Já Elienice, que era acompanhante de Almiro, deu inicio ao tratamento da covid-19 e segue em isolamento junto ao marido em casa, no Bairro Laranjeiras. “Eu senti mais forte. Tive diarréia, dor de cabeça, falta de ar, muita dor nas costas. Minha irmã comprou os remédios para eu tomar. Depois que o resultado chegou, peguei medicação no hospital” explica Elienice, que segue em tratamento.

Ainda de acordo com o casal, para resguardar a saúde do restante da família, dos dois filhos e da mãe de Elenice, que já é idosa, eles optaram pelo o isolamento e seguem se recuperando em casa, separados dos familiares. “Não é muito bom não. O desconforto é muito grande, por isso, quem puder evitar, evite. Cada um reage de um jeito. O desconforto respiratório é bem grande”, alerta a dona de casa.

Texto: Leydiane Silva
Fotos: Paulo Sérgio 

Acessibilidade