Saúde: SMS alerta mães a vacinarem crianças de 6 meses até 5 anos contra gripe

A campanha vai até o dia 23 de julho. O objetivo é alcançar a imunização de 27 mil crianças dessa faixa etária, até o momento apenas 8 mil se vacinaram

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa que a campanha de vacinação para gripe (Influenza A H1N1) foi prorrogada até o dia 23 de julho. E alerta para que o público alvo da campanha procure as Unidades Básicas de Saúde (UBS) da zona urbana e rural do município para se vacinarem.

O alerta é feito especialmente para as mães de crianças que tenham entre 6 meses e 5 anos e 11 meses, pois é a única faixa de público aonde a meta de vacinação necessária para garantir a imunização não foi alcançada.  O objetivo é alcançar a imunização de 27 mil crianças dessa faixa etária, até o momento apenas 8 mil se vacinaram.

“Temos esse percentual baixo nessa faixa, enquanto nas metas da primeira e segunda fase da campanha deste ano conseguimos inclusive superar a meta estipulada. Fizemos campanha em escolas, mas é necessário que as mães se conscientizem e busquem a imunização”, comenta Cinthia Mendes, da Coordenação de Imunização da SMS.

Vale lembrar, no entanto, que a vacina está disponível para todos os indivíduos que façam parte do público alvo de qualquer uma das três fases da campanha, que além das crianças incluem: idosos acima dos 60 anos, gestantes, puérperas de até 45 dias, adultos de 55 a 59 anos,  professores, portadores de doenças crônicas não transmissíveiscom a devida prescrição médica; funcionários do sistema prisional; adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas e população privada de liberdade; além de caminhoneiros e motoristas de transporte coletivo e portuários.

Cinthia informa que a Secretaria de Saúde do Pará (Sespa) disponibilizou novas doses de vacinas para que sejam vacinadas contra gripe, também as pessoas com deficiência intelectual. Todas as UBS do município estão abastecidas com doses da vacina.

Vale ressaltar que é a primeira vez que a vacina contra gripe está sendo realizada por etapas. Isso acontece devido à necessidade de evitar aglomerações, devido à pandemia do novo Coronavírus. Portanto, ao se dirigir ao posto de saúde para se vacinar ou vacinar seus filhos, não deixem de usar máscara e cumprir todas as regras de isolamento social previstas, mantendo a distância de 1,5 metros para outras pessoas.

Campanha contra Sarampo

Todos os adultos de 20 a 49 anos que não se vacinaram contra sarampo durante o ano de 2019 a 2020 também deve procurar as UBS do município para realização da vacina contra Sarampo. A campanha está prorrogada por tempo indiscriminado para evitar um novo surto da doença.

“Os testes de imunidade dizem que 90% da população se imuniza na primeira dose da vacina. Mas em alguns casos isso pode não ocorrer. A medida visa garantir maior segurança para população devido ao retorno de casos da doença que ocorrem no país desde o ano passado”, reforça Cinthia Mendes.

Enquanto os outros públicos prioritários a média foi ultrapassada, no público infantil o percentual de vacinação no município não chegou a metade do objetivo

Texto: Osvaldo Henriques
Foto: Paulo Sérgio 

Acessibilidade