Saúde: Vacinação contra a gripe acontece até 5 de junho

José Calebe e a tia dele

Este ano, a vacinação contra gripe foi antecipada e dividida em três fases, de acordo com grupos prioritários. Nesta terceira e última etapa, prevista para encerrar em 05 de junho, estão no público-alvo os professores, as crianças de 6 meses a menores de 6 anos, as gestantes e puérperas (pós-parto de até 45 dias) e todos os adultos com idade de 55 a 59 anos. À exceção das crianças, pouco vacinadas, os outros grupos estão dentro do esperado.

Na campanha deste ano, não está fácil atingir a meta de vacinação das crianças. Segundo Cinthia Mendes, enfermeira da Coordenação de Imunização, as mães não têm levado seus filhos para tomar a vacina contra a gripe: “A fase de vacinação das crianças contra a gripe está na metade da 3ª semana e, em Marabá, até o momento, só conseguimos vacinar pouco mais de 7 mil crianças”, destaca, acreditando que muito dessa situação se deve ao medo da população de sair de casa durante a pandemia.

A Diretoria da Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), em parceria com a Secretaria de Educação, buscou uma estratégia para facilitar o acesso da população dos bairros situados mais distantes das unidades básicas de saúde, montando pontos de vacinação em oito escolas. Mesmo assim, só conseguiu a cobertura de 26% das crianças até o momento.

A vacinação nas escolas, que teve como objetivo incentivar pais e responsáveis a vacinação das crianças, facilitando-lhes o acesso, aconteceu durante seis dias seguidos, encerrando no dia 27 de maio. A vacina contra a gripe segue disponível em todos os postos de saúde de Marabá.

É bom lembrar que a vacina contra influenza não tem eficácia contra o coronavírus. Porém, neste momento, irá auxiliar os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico para COVID-19, já que os sintomas são parecidos. Além disso, imunizar-se contra gripe pode ajudar na proteção contra outras doenças, a exemplo da pneumonia.

Ainda de acordo com Cinthia, a vacina foi enviada pela Secretaria de Saúde do Estado em etapas (de acordo com o público-alvo de cada fase). Assim, Marabá recebeu inicialmente apenas o quantitativo referente aos idosos (60 anos ou mais) e, como a procura foi muito grande, logo acabou. Mas, para esta fase, recebeu maior remessa da vacina, estando com estoque adequado à necessidade. Sendo as UBS abastecidas regularmente.

“Quando acaba a vacina contra influenza, eles solicitam e a gente repõe o estoque”, garante a enfermeira da Coordenação de Imunização.

Texto: João Batista
Foto: Arquivo 

Acessibilidade