SEMTUR: Cadastur garante maior visibilidade aos prestadores de serviços turísticos

0

Executado pelo Ministério do Turismo (MTur) em parceria com órgãos oficiais da federação, o Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur) é uma ferramenta que objetiva promover ações para o crescimento do turismo no Brasil. A adesão é de forma voluntária, mas quem não se inscreve não tem acesso aos benefícios disponibilizados, inclusive crédito.

O novo Cadastur, atualizado recentemente, permite que os interessados se inscrevam diretamente numa interface interligada ao banco de dados da Receita Federal, o que segundo o MTur traz menos burocracia e mais rapidez para quem deseja estar formalizado.

De acordo com o secretário municipal de Turismo, Ricardo Pugliese, ainda há pouca adesão do cadastro pelos prestadores de serviço de turismo regionais que ainda não perceberam a utilidade do Cadastur. Até agora, Marabá dispõe de 38 pessoas físicas e jurídicas regularmente cadastradas no MTur, destacando os meios de hospedagens, locação de veículos e agências de turismo. “Não estar nesse cadastro é como se não existisse para o Turismo Brasileiro”, observa.

Acontece que o Cadastur traz uma série de benefícios, começando pela visibilidade ao negócio do prestador de serviços por meio dos sites www.cadastur.turismo.gov.br e www.viajelegal.turismo.gov.br; oportunidades de qualificação, por meio dos programas e projetos oferecidos por diversas áreas do MTur e acesso a linhas de crédito junto a bancos oficiais. E ainda, classificação dos meios de hospedagem, oportunidades de negócios e acesso a mercados nacionais e internacionais; credibilidade de que a empresa está formalizada e que está operando de acordo com as leis brasileiras e apoio por meio de um ambiente de negócios online restrito aos prestadores que estão com o cadastro regular.

Os interessados devem pertencer a uma das 15 atividades descritas pelo MTur, sendo sete obrigatórias e oito de cadastro opcional. São elas:

Obrigatórias: Acampamento Turístico, Agência de Turismo, Guia de Turismo, Meio de Hospedagem, Organizadora de Eventos, Parque Temático e Transportadora Turística.

Opcionais: Casa de Espetáculos & Equipamento de Animação Turística, Centro de Convenções, Empreendimento de Entretenimento e Lazer & Parque Aquático, Locadora de Veículos para Turistas, Empreendimento de Apoio ao Turismo Náutico e à Pesca Desportiva, Prestador Especializado em Segmentos Turísticos, Prestador de Infraestrutura de Apoio para Eventos; e Restaurante, Cafeteria, Bar e Similares.

Veja mais:

Sicom presta contas de suas ações na Câmara Municipal

Secretaria faz balanço positivo no ano de 2018

Texto: João Batista

Nenhum Comentário

ACESSIBILIDADE
X